Tuesday, October 2, 2007

Perdemos repentinamente
a profundidade dos campos
os enigmas singulares
a claridade que juramos
conservar

mas levamos anos
a esquecer alguém
que apenas nos olhou



Jose Tolentino de Mendonça



Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

4 comments:

angela said...

Infinitos

ana c. said...

sempre estrondoso este final do poema.

Anonymous said...

«mas levamos anos
a esquecer alguém
que apenas nos olhou»
Bis.«Infinitos». bis.
EliA

menina limão said...

(tão certeiro)