Thursday, July 17, 2008

dormir é apenas isto:
o instante em que na memória há um espelho
de palavras que se repetem

vem isto a propósito de sentir a insónia interrompida
o sono sobressai a tua ausência

mas tu entras sem avisar
como se assim garantisses
cada pedaço de não te ter



Maria Sousa



Photobucket

4 comments:

menina tóxica said...

isto está mesmo bonito*

fénix exotico-suíça said...

mas tu escreves, sem o querer? leio, ñ sei se compreendo... a mim,vem-me tudo a despropósito; não te reconheço...deveria?

Amélia said...

Gostei deste seu poema,Maria.Um abraço

comboio turbulento said...

surpreendeu-me este blog. vou acompanhá-lo e juntá-lo aos recomendados ( o nome é excelente)